Quinta-feira, 10 de Abril de 2008

Pequenas doses

 

 

"Escrevo porque encontro nisso um prazer que não consigo traduzir. Não sou pretensiosa. Escrevo para mim, para que eu sinta a minha alma falando e cantando, às vezes chorando"... ( Clarice Lispector )

A Clarice é uma benção na minha vida. Sinceramente, ela consegue me fazer sentir "normal". É verdade. Digo isso porque, às vezes, eu acho tão absurdo ter essa necessidade de falar, ou melhor, de escrever sobre os meus sentimentos, expondo a minha vida para um monte de gente que eu nem sei se alcançam que a necessidade é só de expurgar esse sentir pra fora de mim ... não escrevo pensando se A ou B irá ler ou o que irá dizer ou pensar... 

Todos esses dias sem net foram de doer até a alma. O pior é que as pessoas não entendem. "Calma, net não é prioridade!" ... Nossa, quantas vezes ouvi isso... aff! Como assim???? Claro que é. É a minha terapia, a forma que tenho de manter contato comigo porque, sinceramente, TENHO FEITO TUDO NO AUTOMÁTICO e admito TUDO MUITO AQUÉM DO QUE DEVERIA...

Tenho tentado não me cobrar muito. Mudanças são difíceis, ainda mais mudanças "forçadas". Eu não quis retornar para a casa dos meus pais... eu PRECISEI... questões de saúde sobre as quais ainda não sinto melhora. Isso é outra coisa que tento não pensar... foi em vão? e agora, é o fim do caminho? Sei que não. Pessoas são diferentes, têm "time" diferentes e, portanto, meu momento de dizer EU CONSEGUI vai chegar... Preciso trabalhar meu espírito porque estou de MÁGOA até um zilhão de metros abaixo do fundo do poço e sei que isto é PÉSSIMO!

Obrigada a todos os queridos miguxos que aguardaram o meu retorno. Valeu mesmo! Vou começar a atualizar as leituras...  :o)

Obrigada a Procuro-me e a Crisálida pela recepção calorosa...rsrsrsrs...amo vocês!


Para terminar, por hoje... MARTHA MEDEIROS...

 

“Tristeza é quando chove
quando está calor demais
quando o corpo dói
e os olhos pesam
tristeza é quando se dorme pouco
quando a voz sai fraca
quando as palavras cessam
e o corpo desobedece
tristeza é quando não se acha graça
quando não se sente fome
quando qualquer bobagem
nos faz chorar
tristeza é quando parece
que não vai acabar"

publicado por Luna às 13:53

| comentar | adicionar a favoritos

♣ Luna

♣ Pesquisar

 

♣Abril 2008

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
11
12
13
14
17
18
20
21
23
24
25
26
27
28
29
30

♣ Posts

Ainda preciso de conselho...

...

Iluminar

Saiba

Vida nova

Pequenas doses

Oiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiii...

Oiiiiiiiiiiii.... Saudaaa...

Mudança - Parte II

30º. Post... Ano novo, vi...

♣ Arquivos

Abril 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

♣ T A G S

todas as tags

A minha filha é chefe de ...

♣ Visitas